1c3d025301Dois mato-grossenses da Luta Olímpica conquistaram duas medalhas de bronze nos Jogos Escolares da Juventude (JEJs), etapa nacional, na categoria individual A (de 15 a 17 anos), modalidade disputada de 12 a 15 de novembro, em Londrina (PR). Josiel de Oliveira no peso pesado e Guilherme Carvalho no peso médio. A mesma dupla que faturou dois bronzes em 2013, as duas primeiras medalhas da história do Wrestling do Estado de Mato Grosso.

A Luta Olímpica foi implementada em MT há três anos e já ganhou nove medalhas em etapas nacionais dos JEJs. No passado foram dois bronzes em 2013, com Josiel e Guilherme, e dois bronzes em 2014, com Larissa Tywaki e novamente Josiel. E, só neste ano, já foram mais cinco medalhas, três na categoria B (de 12 a 14 anos), uma prata com Igor Queiroz, um bronze com Larissa Tywaki e outra prata por equipe, e na categoria A, os bronzes de Josiel e Guilherme.

Para o ribeirinho do rio Cuiabá, Josiel de Oliveira, conhecido pelos colegas como Indinho, de 16 anos, com três medalhas de bronzes na etapa nacional dos JEJs, essa última conquista alicerça todo o esforço despendido nos treinos e solidifica a prática da modalidade no estado. Segundo ele, o resultado vai inspirar novos atletas e ainda motivar investimentos vindos da iniciativa privada. Que, no caso dele, precisará para no próximo ano disputar o brasileiro na classe adulta.

“Este foi meu último ano no estudantil. Pois completo 17 neste ano. O que significa que em 2016 começo a participar dos campeonatos nacionais na categoria adulta. E para isso preciso do apoio do governo e de empresários que queiram investir no esporte. Para que nosso estado continue sendo referência na modalidade. E, de minha parte, garanto que a persistência na preparação física e técnica continua mais intensa e visando vaga em Olimpíadas”, diz Indinho.

De acordo com o presidente da Federação Mato-grossense de Jiu-jitsu e Lutas Associadas (FMTJJLA), Francisco José Fernandes, os dois medalhistas, Josiel e Guilherme, são bolsistas no colégio Isaac Newton (Cin), instituição de ensino que apoia o esporte. Mas Josiel termina o segundo grau neste ano. O que coloca o atleta na busca de bolsa de estudos universitária para o curso de educação física. Oportunidade para o empresário mostrar responsabilidade social.

“Esse menino pratica lutas desde os seis anos de idade. É uma década de treinos em Jiu-jitsu e três anos em Luta olímpica. Um dos atletas mais aplicados e determinados que temos nos tatames mato-grossenses. Mas ainda não temos apoio financeiro necessário para que continue com esses esforços. Com investimento nós podemos conquistar uma vaga nas olimpíadas de 2020. É possível realizar isso. Basta termos as condições adequadas para o lutador”, fala Chicão.

Publicidade

Da redação, Canaã Notícias com fontes de Junior Martins / FMTJJLA

DEIXE UMA RESPOSTA

O Canaã Notícias agradece se você deixar o seu comentário.
Ops! Faltou o seu nome!